Início > Actualidade > Um vergonhoso comentário a um suposto vergonhoso título do jornal “A Bola”

Um vergonhoso comentário a um suposto vergonhoso título do jornal “A Bola”

Capa do jornal "abola" do dia 7 de março de 2011

Ser do Benfica é algo que só os Benfiquistas podem sentir e explicar o que é, é ter raça, é ter paixão, é viver intensamente, é ter sangue, é ter orgulho, é ser vencedor, etc. Mas esta forma de ser Benfica, causa mau estar por muitos lados, todos nós sabemos que na aldeia ou na cidade existem sempre aquelas pessoas que não convivem bem com algo que é grandioso e alimentam-se mesmo da trica e da intriga que se relaciona com a sua grandeza, como que invejando algo que nunca na vida vão saber ou sentir o que é.

Quero com isto dizer que ser Benfiquista não é de todo adormecer à sombra da bananeira, pois no passado algumas boas sornas causaram-nos alguns anos de jejum de glória. Ser benfiquista é estar sempre alerta e nunca, mas mesmo nunca, baixar a guarda, nem mesmo quando estamos nos topo dos topos, pois existe sempre aquele ser vil, rastejante e mesquinho que a maior parte das vezes se encontra moribundo, mas que nestas alturas ganha sempre uma força extra para se poder aproveitar de um possível descuido.

O Benfica com tudo o que representa alimenta um oceano de gente, curiosamente e contraditoriamente alimenta também quem mais o ataca, no lado oposto, estamos nós os sócios, os adeptos e os simpatizantes que alimentamos e fazemos deste clube o maior do mundo.

É de todo vergonhoso ver painéis de “jornaleiros” (aka paineleiros), “comentadeiros”, “blogueiros” e outros acabados em “eiros” escreverem nos diversos meios de comunicação coisas que dizem respeito ao Benfica a aos Benfiquistas. Desta vez a honra coube a um “paineleiro” do Expresso que destilou o seu evidente mau estar com o título de uma capa do jornal “a bola” que foi publicada no dia a seguir ao vergonhoso e “xistroso” jogo braguinha – SL Benfica.

Escreve o jornal que: “Xistra decide o que já estava decidido“. Analiso este título como uma simples frase a constatar um facto ao que todos vimos, ao pôr as culpas neste projecto de árbitro deste particular jogo ter tido este desfecho, mas que 8 pontos obviamente bastaríam para os Andrades SAD serem campeões e que não precisaríam de mais este valente empurrão e até fala em campeão por mérito, isto sim tem piada. Mas este iluminado paineleiro preferíu levar para outros campos mais obscuros fazendo-se por um lado como um real pacóvio que aterrou hoje a nave e por outro como um autêntico visionário chico esperto que engana tudo e todos, agindo claramente como quem tem telhados de vidro e se sinta comprometido.

Eu no fundo até percebo a sua intenção pois certamente o Expresso não lhe paga ou lhe renova o contrato se tiver poucos cliques na destilaria blogueira “100 reféns” e claro está nada melhor que falar do Glorioso para inverter a tendência de mais uma natural extinção.

Se quiserem visitar não se esqueça do soro antes: A notícia do artista aqui (sei que infelizmente estou a contribuir para mais uns cliques nas estatísticas).

Anúncios
Categorias:Actualidade
  1. Eterno Glorioso
    08/03/2011 às 20:05

    Também li esse artigo do paineleiro/blogueiro Tiago Mesquita (deve por-se os nomes aos animais), destilando o mais puro e abjecto ódio ao Glorioso! Sinceramente que até antes do jogo com os satélites do Futebol Corruptos do Porto (FCP), era frequentador do Blogue do gajo, deixei lá uns posts suaves (até porque ele ainda não tinha deitado de fora o veneno que lhe ia na alma) mas depois do jogo e dessa “crónica” no 100 Reféns, subiu-me o vermelho à cabeça e caguei o que tinha a cagar! Esse, é daqueles bétinho que têm a mania que por terem um espaço no Expresso, lhes dá direito a cagarem postas de pescada da boca para fora sobre tudo e sobre todos, esquecendo-se que o Clube de Corruptos a que ele pertence tem um historial em escutas no Youtube que demonstra os mafiosos que gerem o futebol português e controlam a arbitragem e a justiça. Porque depois de se ouvir esses trechos telefónicos o papa ainda anda à solta… só pode ter a mão divina da justiça a protegê-lo… PQOP!

  2. 08/03/2011 às 21:00

    Nem mais, também cheguei a ler algumas coisas deste sujeito. Sempre gostou muito de ser incisivo no que publica, mas nos dias que correm e com este país de pantanas é muito mais fácil falar mal e ser acompanhado por milhares que o contrário. Acho que esta publicação até vem em boa hora, porque sinceramente e pelas últimas publicações dele, já estava a ficar com a mesma ideia que expõe, ou seja, isto não passa de um betinho que tenta ter protagonismo apenas e só a amandar umas postas de pescada. É só mais um para nós riscarmos e deixá-lo ir à vida… Obrigado pela sua atenção e comentário e pluribus unum.

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: