Início > Champions League, Futebol > Dois suissinhos a zero

Dois suissinhos a zero

Excelente jogo mais uma vez do glorioso SLB, que vem confirmar o que tenho dito desde o início da temporada esta equipa está definitivamente talhada para jogar na europa, assim os jogadores interiorizem o que fazer e não se percam agora depois deste brilhante trabalho. O Benfica ganhou 2 a zero e assumiu desde já a liderança isolada do grupo C, faltam 3 jogos, 2 em casa e 1 em Old Trafford, mas com o Man Utd a saber que não poderá facilitar 1 milimetro a coisa até está muito bem encaminhada, esta vitória foi decisiva para encarar o resto da fase de grupos com muito mais optimismo. Não se deve embora facilitar pois isso normalmente sai muito caro, o Benfica tem tudo para passar aos oitavos, mas não pode adormecer agora.

Em Basileia Jorge Jesus fez uma alteração na frente, colocou o jovem Rodrigo sozinho na frente em vez de Cardozo, percebe-se bem porquê, Rodrigo é um avançado muito móvel que aparece nos espaços e este jovem tem realmente sabido aproveitar as oportunidades que lhe têm sido dadas, pois tem muito talento e qualidade, de resto o Benfica foi uma equipa muito coesa e sempre a tentar sair rápido para o ataque. Bruno César lá molhou a sopa outra vez, depois de uma brilhante simulação de Rodrigo e Cardozo, aproveitou para mostrar mais uma vez que aquele pé esquerdo vale muito golo com a camisola do Benfica. Estamos agora com um problema nas faixas laterais pois o Máxi saíu aleijado e isto sim foi o pior da noite, espero que não seja por muito tempo e Emerson foi expulso o que deixa Jesus apenas com o Luis Martins como defesa esquerdo de raíz disponível para o próximo jogo da champions, se a casmurrice não fosse tanta o Capdevilla estaría agora na calha para entrar, mas enfim vamos acreditar que embora estas posições sejam as que mais preocupações dão no que diz respeito a alternativas, surjam opções que respondam positivamente. Na baliza morou um “monstro” que fez uma exibição notável, Artur é de facto um excelente Guarda Redes e a equipa também sente que tem confiança nele. Luisão e Garay estiveram impecáveis no centro, tal como Jávi, embora tenha vindo de uma pequena paragem. Rodrigo não acusou a responsabilidade e fez uma grande exibição e é de facto pena que Gaitán não tenha neste momento um índice físico melhor, porque se tivésse, era jogador para partir o que quer que fosse, Aimar e Witsel seguraram muito bem o meio campo e Bruno César apesar de não ser extremo vai dando conta do recado e até marca golos decisivos para a equipa.

Se o Benfica ganhar o próximo jogo em casa com o FC Basel penso que garante desde já a qualificação e é o que temos de fazer para na deslocação a Manchester decidirmos o primeiro lugar do grupo mas de uma forma não tão pressionada.

Carrega Benfica sempre contigo e obrigado mais uma vez por elevares o tem glorioso nome no estrangeiro e na prova mais importante de clubes do mundo.

Anúncios
Categorias:Champions League, Futebol Etiquetas:, ,
  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: